Aguirre afirma que Inter fez bom jogo e se defende de críticas sobre única substituição: ‘Não é obrigação trocar jogadores’

O Internacional teve a sequência de oito jogos invicto interrompida neste sábado ao perder para o Atlético-MG fora de casa por 1 a 0. O revés impediu o time gaúcho de ingressar no G-6 da competição. Em entrevista coletiva após a partida, o técnico uruguaio Diego Aguirre avaliou a partida.

– O primeiro tempo do Inter foi espetacular. Eu senti que estávamos superando nosso adversário. Faltou alguma coisa a mais. Enfrentamos um time muito forte. Perdemos, mas isso está dentro das possibilidades de um jogo. Mas temos que resgatar as coisas boas que o time apresentou – disse o treinador Diego Aguirre.

Para saber tudo do Internacional, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook. E se inscreva no nosso YouTube!

Aguirre foi muito criticado nas redes sociais por fazer apenas uma substituição na equipe durante o segundo tempo. Isso porque, mesmo diante da pressão do Galo, optou por mudar a escalação somente depois de levar o gol da derrota. Na entrevista, Aguirre defendeu sua escolha.

– Acho que fizemos um bom jogo. Não é uma obrigação trocar jogadores. Para fazer uma substituição é preciso tirar um do time, e achei que todos estavam bem. Ninguém sabe o que teria acontecido com trocas, estamos falando de coisas que não aconteceram – explicou o técnico Diego Aguirre.

O Internacional de Diego Aguirre é sétimo colocado no Brasileirão com 32 pontos e na quarta-feira (06), 19h, joga diante do Ceará, no Castelão. Uma vitória pode colocar o time no G-6, grupo de classificação para a próxima Libertadores.