Atuações ENM: Giovanni marca e Lucas Ventura vai mal em atuação apagada do Cruzeiro; veja notas

Em jogo morno, Cruzeiro e Vila Nova empataram por 1 a 1 em jogo válido pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, nesta segunda-feira (1), na Arena Independência. Com o resultado, a equipe celeste chegou aos 40 pontos e pode ver a distância para a zona de rebaixamento diminuir de quatro para dois pontos.

O Cruzeiro teve muitas dificuldades de criação ofensiva na partida. Seja por conta do gramado desgastado pela forte chuva em Belo Horizonte ou por incompetência própria mesmo. Os jogadores de frente, os responsáveis pela armação e finalização das jogadas do clube, estiveram muito abaixo e erraram bastante em lances simplórios.

No segundo tempo se mostrou perdido em campo e viu o adversário ser melhor, mais organizado e criar algumas oportunidades, mesmo que poucas e sem perigo de gol. O placar de empate foi justo e nenhum jogador do Cruzeiro teve destaque positivo.

MANDOU BEM:

Giovanni – 6,5

Giovanni, apesar de não ter feito uma bela partida, foi o grande responsável por evitar a derrota celeste, o que custaria caro para a Raposa. Foi ele que, em cobrança de pênalti, empatou o jogo para o Cruzeiro.

FICOU DEVENDO:

Lucas Ventura – 3,5

O primeiro volante do Cruzeiro, aquele responsável pelos desarmes nas jogadas adversárias e ajuda na saída de bola, foi o Lucas Ventura. No entanto, o jogador celeste pecou em muitos erros de passes e não foi importante na marcação, realizando muitas faltas.

Além disso, cometeu a penalidade de forma imprudente e infantil, o que poderia ter causado a derrota do Cruzeiro nesta segunda-feira.

Atuações:

Fábio – 6

Rômulo – 5

Eduardo Brock – 5,5

Léo Santos – 5

Felipe Augusto – 4,5

Lucas Ventura – 3,5

Adriano – 4

Giovanni – 6,5

Bruno José – 4,5

Wellington Nem – 6

Thiago – 5

Substituições:

Marcelo Moreno – 4,5

Norberto- s/n

Flávio- s/n

Marcinho – s/n

Keké – 4,5