Barbieri fala sobre resultados negativos do Red Bull Bragantino no Brasileirão e projeta jogo da Libertadores

Na tarde deste sábado (14), o Red Bull Bragantino perdeu pelo placar de 2 a 0 para a equipe do Palmeiras no Allianz Parque, em jogo válido pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2022. Com a derrota, a equipe comandada por Mauricio Barbieri chegou a terceiro jogo consecutivo sem vencer no certame nacional.

Alguns minutos após o apito final, o treinador do Massa Bruta concedeu entrevista para falar sobre a partida. Nela, ele falou sobre a sequência negativa que o time vem atravessando dentro da competição. O comandante também relembrou que precisou jogar com equipes alternativas por conta da grande maratona de jogos em um curto espaço de tempo.

“Quando o torcedor imaginou que a equipe estaria disputando um Campeonato Brasileiro e tendo que jogar com time alternativo contra Corinthians e Palmeiras? Hoje foi muito equilibrado e contra o Corinthians nós merecíamos mais”, afirmou

“Então acho que, mais do que se ater ao fato, temos que analisar o que está por trás desse fato. Tem uma série de coisas que explicam essa sequência”, completou.

Indagado sobre as jogadas de bola parada, o técnico falou se este tipo de lance o preocupa, já que o time vem sofrendo muitos gols neste tipo de lance:

“Eu acho que aquele lance em que eles fizeram o gol que foi anulado por impedimento, era um lance praticamente idêntico ao que a gente tomou no Paulista. Estávamos ajustados só que não achamos a marcação. O fato da linha ter saído também é treinado, então fico feliz. Imagino que a margem tenha sido pequena pelo tempo que demorou, mas a gente ajustou”.

“No lance eu preciso rever com calma qual que foi o erro, mas não é só o Bragantino que tem tomado esses gols. O Palmeiras tem feito bastante gols assim em função da batida do Scarpa, que foi muito certeira, bate muito bem na bola. É algo que faz parte e me preocupa, porque o Estudiantes é muito forte, mas vamos ajustar para fazer frente a isso”.

Para saber tudo sobre o RED BULL BRAGANTINO, siga o perfil do ESPORTE NEWS MUNDO no TWITTERINSTGRAM e FACEBOOK.

Barbieri também comentou sobre a entrada de Nathan Camargo, atleta de 16 anos de idade que entrou no lugar de Guilherme aos 25 minutos de bola rolando na etapa complementar. Ele foi o jogador mais novo a debutar com a camisa do Bragantino.

O Nathan já vem treinando com a gente há algumas semanas. É um jogador muito jovem, tem muito potencial, mas não quero que o torcedor crie expectativa e pressão. Precisei colocar ele no jogo em função das circunstâncias”, afirmou

“Pensei em colocar o Léo Ortiz como volante, mas ele estava com um desconforto na panturrilha, então preferi preservar pensando no próximo jogo. Optei por tirar o Guilherme, puxar o Luan Cândido para a lateral-esquerda e colocar o Nathan. Ele buscou jogo. Tem que entrar para pegar casca e experiência”, reiterou.

Pensando no compromisso do meio de semana, Barbieri quer pensar apenas na Libertadores. O Braga irá receber a equipe do Estudiantes, no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, às 19h15 (horário de Brasília). O embate diante do clube de La Plata é visto como uma decisão para o time do interior de São Paulo, que ainda sonha com uma inédita classificação para as oitavas de final da Copa Conmebol Libertadores.

” Vamos virar a página e focar na terça-feira. Temos um compromisso muito importante. Vamos nos preparar da melhor maneira possível para encarar o Estudiantes e impor nosso jogo. É um time que a gente já enfrentou e estudou bastante”, completou.