Bruno Henrique comemora vaga na final da Libertadores e faz elogios ao elenco: ‘A equipe toda está de parabéns’

Na noite desta quarta-feira (29), em Guayaquil, o Flamengo venceu o Barcelona por 2×0 e garantiu uma vaga na final da Conmebol Libertadores. Com dois gols de Bruno Henrique, o Flamengo superou o time equatoriano e carimbou sua ida a Montevidéu. O rubro-negro enfrentará o Palmeiras, atual campeão, no dia 27 de novembro.

+ Flamengo divulga nota sobre a volta do público e comunica que não participará de reunião na CBF

+ Red Bull Bragantino vence Libertad e carimba passaporte para a final da Sul-Americana

Destaque nos dois duelos, Bruno Henrique marcou os quatro gols do time carioca no confronto. Com dois gols no Maracanã e dois no Monumental, o camisa 27 foi o principal nome do Flamengo nas semifinais. No fim do jogo, o atacante comemorou a classificação para a grande final.

– Não tivemos tantas dificuldades, botamos a bola no chão e conseguimos jogar. Mais uma vez a gente está na final, então a equipe toda está de parabéns.

Desde sua chegada ao rubro-negro, o jogador se mostrou decisivo e protagonista em jogos de maior quilate. Assim como fez na noite desta quarta, o atacante também decidiu jogos na conquista da Libertadores em 2019. Marcou dois contra Inter e um contra o Grêmio, nas quartas e semifinais, respectivamente. Perguntado sobre a expectativa de mais uma final, Bruno respondeu:

– Vai ser uma grande final, dois times brasileiros, chegaram as duas melhores equipes. Será um grande jogo para todo mundo.

Siga o Esporte News Mundo no InstagramTwitterFacebook e Youtube.

O camisa 27 também comentou sobre sua parceria de sucesso com Gabigol e a possibilidade de ganhar mais um título com a camisa rubro-negra.

– O Gabi é um cara muito predestinado, a gente sabe que é um grande jogador que tem faro de gols em finais. Esperamos contar com ele e com todos para fazer mais um grande jogo

O Flamengo volta a campo no próximo final de semana, contra o Athletico-PR pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com 35 pontos e três jogos a menos, o time carioca ocupa a quarta posição na tabela e precisa dos três pontos para continuar no pelotão da frente.