Centro de treinamento do Manchester United será reaberto após surto de Covid, diz emissora

O centro de treinamento do Manchester United foi fechado na última segunda-feira (13), devido a um surto de Covid-19 que atingiu o clube inglês. Por conta desta situação, o jogo diante do Brentford, marcado para a última terça-feira (14), acabou tendo que ser adiado. No entanto, de acordo com a emissora BBC, as atividares retornarão normalmente nesta quarta-feira (15), já visando os próximos compromissos.

Jogadores, funcionários e membros da comissão técnica do Manchester United passaram por novos exames e, aqueles que tiveram resultados negativos para Covid-19, já estão liberados para retomarem às atividades normalmente. Desta maneira, o técnico Ralf Rangnick vai poder começar a pensar na formação da equipe que encara o Brighton, no próximo sábado (18), em Old Trafford. O treinador alemão vai levar em conta alguns desfalques que ainda deve ter devido ao surto da doença.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

A imprensa do Reino Unido acredita que os problemas que foram causados pela nova onda não tenha um impacto significativo na preparação do Manchester United. Os principais jogadores do clube inglês deverão estar à disposição de Ralf Rangnick em busca de mais uma vitória na Premier League.

Nos últimos sete dias, o comitê organizador da competição nacional precisou tomar algumas medidas para conter o avanço da Covid-19 no ambiente esportivo. Ao todo, 42 pessoas ligadas diretamente aos clubes que disputam a Premier League testaram positivo para a doença. O número foi o mais alto já encontrado desde maio de 2020, no auge da doença no mundo.

O Manchester United vai buscar a vitória sobre o Brighton de olho em uma vaga no grupo de classificação para a próxima edição da Liga dos Campeões. Atualmente o time comandado por Ralf Rangnick aparece na 5ª colocação, com 27 pontos conquistados. O rendimento ainda é abaixo do esperado, mas a equipe vem conseguindo grande evolução nos últimos jogos.