Chapecoense segura pressão e vence Grêmio na Arena, pela Série B

Grêmio e Chapecoense entraram em campo na noite desta sexta-feira (15), na Arena, em Porto Alegre, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O Tricolor até teve o domínio da partida, pressionou, mas, mais uma vez passou em branco. Melhor para a equipe Catarinense, que marcou com Matheus Bianqui e conseguiu vencer após sete jogos.

Graças a essa vitória sobre o Grêmio, inclusive, a Chapecoense assume a liderança momentânea do Campeonato Brasileiro da Série B. Com 4 pontos, a equipe de Santa Catarina agora, volta a enfrentar outro gigante do futebol Brasileiro. Na sexta-feira (22), o time comandado por Gilson Kleina recebe o Vasco da Gama, na Arena Condá.

O Grêmio, por sua vez, segue sem vitórias ou gols no Campeonato Brasileiro da Série B. Com apenas um ponto em dois jogos, o Tricolor amarga a 15ª colocação, e pode entrar na zona de rebaixamento caso os resultados paralelos sejam desfavoráveis. Agora, a equipe comandada por Roger Machado volta a jogar na Arena, desta vez diante do Guarani, na quinta-feira (21).

Para saber tudo sobre o Campeonato Brasileiro Série B, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Primeiro tempo

Jogando em casa, o Grêmio tentou tomar a iniciativa no início da partida, mas cometia alguns erros de passe, que proporcionaram à Chapecoense chegar com perigo, mas sem efetividade. Aos 14 minutos, Bitello deu passe de calcanhar para Ferreira, que ficou na cara do gol, mas o goleiro Vagner saiu bem e botou a bola pra escanteio.

O Grêmio, então, passou a tentar chutar de fora da área, primeiro com Diogo Barbosa, depois duas vezes com Ferreira, mas ambos não pegaram bem na bola. A Chapecoense, por sua vez, seguiu fechada, esperando um erro do Tricolor, para sair em contra-ataque ou tentar a sorte na bola parada, mas não levava perigo ao gol de Brenno. Assim, o duelo foi para o intervalo com o 0 a 0 no placar.

Segundo tempo

No início da etapa final, o jogo seguiu da mesma forma, com o Grêmio tomando a atitude e a Chapecoense esperando para sair em velocidade. Aos 6 minutos, Campaz cobrou falta com perfeição e obrigou o goleiro Vagner a fazer grande defesa.

Após isso, todavia, O jogo caiu tecnicamente, sem grandes chances de ambos os lados, o que obrigou os dois técnicos a fazerem várias mudanças nas equipes. Até que, aos 29, Derek recebeu sozinho nas costas de Diogo Barbosa e rolou para Matheus Bianqui, que soltou a bomba. A bola ainda bateu no travessão antes de entrar, 1 a 0.

Atrás no marcador, o Grêmio tentou uma pressão final com muitos cruzamentos, mas a zaga catarinense continuou levando a melhor em todas as jogadas. Apesar do domínio gremista, a Chapecoense conseguiu segurar o resultado e sair com a vitória fora de casa.