Com desfalque, Bahia decide a vida com o Fortaleza no Castelão

O Bahia decide seu 2022 ainda em 2021. Isso porque o tricolor enfrenta, nesta quinta-feira, 9, às 21h30, no Castelão, em jogo válido pela última rodada do Brasileirão Série A, o Fortaleza. Pelo lado do Leão do Pici, o jogo vale apenas a quarta colocação do campeonato, já que a equipe cearense já está classificada para a fase de grupos da Libertadores. Já o Esquadrão precisa vencer caso queira depender apenas de si para se manter na primeira divisão.

Para se ligar nas notícias da Série A, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook. 

TRANQUILO

Tranquilidade é a palavra que veste as cores do Fortaleza. O Leão, quinto colocado com 55 pontos, que vem de derrota para o Cuiabá, fez temporada exemplar e se garantiu, pela primeira vez em sua história, na Libertadores.

Porém, se engana quem pensa que o técnico Vovjoda irá pegar leve com o adversário. O treinador argentino pretende mandar a campo sua equipe titular, tendo apenas uma dúvida, o volante Lucas Crispim, que é dúvida, por conta de desconforto muscular.

Em caso de triunfo e derrota do Corinthians para o Juventude, o Fortaleza encerra o Brasileirão em quarto lugar.

Provável escalação: Marcelo Boeck; Tinga, Benevenuto e Titi; Pikachu, Éderson, Felipe, Bruno Melo e Matheus Vargas; David e Robson. Técnico: Juan Pablo Vovjoda

Foto: Divulgação/Fortaleza Esporte Clube

TUDO OU NADA

Se o Fortaleza vem tranquilo, não se pode dizer o mesmo do Bahia. O Esquadrão chega para o confronto vindo de vitória sobre o Fluminense, com grande atuação de Gilberto, e na décima sexta posição, tendo 43 pontos.

Para escapar do rebaixamento sem muita emoção, o tricolor baiano precisará vencer o Fortaleza. Já em caso de derrota ou empate, terá torcer para que o Juventude não vença o Corinthians no Alfredo Jaconi.

Para o duelo decisivo, o técnico Guto Ferreira não contará com Rossi, expulso na última partida e, portanto, suspenso. Quem deve assumir a vaga é Juninho Capixaba. Daniel e Lucas Mugni também são novidade, já que retornam de suspensão.

Danilo Fernandes, Nino Paraíba, Conti, Luiz Otávio e Matheus Bahia; Patrick de Lucca, Rodriguinho (Daniel) e Lucas Mugni; Juninho Capixaba, Gilberto e Raí Nascimento. Técnico: Guto Ferreira.

Foto: Divulgação/E.C Bahia