Ex-jogadores do Cruzeiro comentam saída do goleiro Fábio

Após 18 temporadas e 976 partidas pelo Cruzeiro, nessa quarta-feira (05), o goleiro Fábio não teve sua renovação concretizada e deixou o clube. O ocorrido, entretanto, gerou reação negativa de parte da torcida e de ex-jogadores da Raposa, que foram, também, companheiros de do agora ex-arqueiro celeste.

Pela forma que foi, de fato, o anúncio da não renovação, feito antes por Fábio, em seu Instagram, foi, de fato, surpreendente. Até por Isso, ex-jogadores do Cruzeiro se comoveram com a situação e repercutiram a informação.

— Herói de uma Nação. Difícil de acreditar, mas não me surpreendo. O importante é o legado que você deixa. Marca inalcançável, publicou o ex-zagueiro Léo, em seu Instagram.

Vale ressaltar que, em maio no ano passado, também de forma conturbada, o Cruzeiro anunciou a rescisão contratual do zagueiro, aos 33 anos de idade. O clube alegou “momento de responsabilidade financeira” e destacou que “minuciosas avaliações de ordem física e técnica” foram levadas em consideração para o rompimento do vínculo.

Com a camisa do Cruzeiro, Léo disputou 401 jogos, marcou 22 gols e conquistou o Campeonato Brasileiro (2x), a Copa do Brasil (2x) e o Campeonato Mineiro (4x). - Foto: Divulgação/Cruzeiro
Com a camisa do Cruzeiro, Léo disputou 401 jogos, marcou 22 gols e conquistou o Campeonato Brasileiro (2x), a Copa do Brasil (2x) e o Campeonato Mineiro (4x). – Foto: Divulgação/Cruzeiro

Leia também: Cruzeiro se pronuncia sobre não renovação do goleiro Fábio

Outros ex-atletas que se posicionaram quanto à saída de Fábio, foram o bicampeão da Copa do Brasil Rafael Sóbis, o lateral-direito Ceará, campeão brasileiro pelo Cruzeiro e Dirceu Lopes, lendário meio-campista da história celeste, que, para muitos torcedores, é o maior ídolo da história do clube.