James Rodriguez busca novo clube e aceita diminuir salário

James Rodriguez, de 30 anos, já comunicou ao Al Rayyan – do Catar – seu desejo de deixar o clube até a próxima temporada e permitiu que seu agente busque um novo clube. Segundo o jornalista Pipe Sierra, o desejo do colombiano é de retornar à Europa aceitando uma diminuição salarial. Clubes da Turquia e da Arábia Saudita também consultaram a situação do jogador.

O jornal ‘AS’ também afirmou que James está em busca de um novo clube e deu aval para seu agente buscar uma nova equipe. O meio-campista busca novos ares para retornar à sua melhor forma no futebol, mesmo que a seleção da Colômbia esteja de fora da Copa do Mundo 2022. Já chegando ao fim de carreira, James pode pintar em mercados alternativos como a Turquia – onde clubes buscaram saber a situação do jogador – ou até mesmo na América do Sul, retornando a suas origens.

Recentemente, o colombiano revelou que esteve há um passo de se tornar reforço do Atlético de Madrid alguns anos atrás. No entanto, o Real Madrid vetou a negociação em estágio final – “Sim, estava quase pronto. Eu queria minha família ao meu lado, o negócio estava pronto para ser concluído” – iniciou James – “Tudo desmoronou porque o Real Madrid não me deixou sair.” – acrescentou o jogador.

Na atual temporada, pelo Al Rayyan, James Rodriguez fez cinco gols e deu seis assistências em 14 jogos. Pela seleção colombiana, o jogador atuou em seis jogos com um gol marcado. Com apenas 20 jogos, ao todo, na temporada, o atleta tem caído de rendimento e por isso deve aceitar diminuir seu salário para voltar à uma equipe do Velho Continente. Com a Colômbia fora da Copa do Mundo no Catar, James também deve buscar manter um bom nível a fim de atuar pela seleção na próxima Copa do Mundo – competição em que foi destaque há 8 anos atrás.