Minas e Fluminense vencem na rodada da Superliga Feminina

O Fluminense e o Itambé Minas venceram, nesta sexta-feira (5), seus adversários pela segunda rodada da Superliga feminina. O tricolor carioca enfrentou o Brasília vôlei e em jogo equilibrado fez 3 sets a 1, nas Laranjeiras, com as parciais de 25/19, 23/25, 30/28, 22/25 e 16/14. Já o mineiro jogou contra o Maringá, no ginásio Chico Neto, e venceu por sets diretos com as parciais de 25/15, 25/14 e 25/12.

Fluminense 3×2 Brasília

A partida foi disputada e deixou o torcedor das duas equipes tenso. A maior pontuadora do jogo foi Bruna Moraes com 29 pontos. O Fluminense começou bloqueando e defendendo melhor e a líbero Lelê foi destaque no fundo de quadra tricolor. O primeiro set foi fácil para o clube que venceu por 25/19.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

Apesar da boa atuação, o carioca cometeu erros e o Brasília conseguiu virar no segundo set. A ponteira Paquiardi fez a diferença na vitória da equipe da capital, a jogadora escapou do bloqueio adversário e converteu pontos importantes. O time da casa até conseguiu alcançar a vantagem no placar e empatou em 23/23, mas as brasilienses pressionaram e conseguiram a vitória por 25/23.

O terceiro set foi muito equilibrado e disputado ponto a ponto. O destaque do set foi Bruna Moraes que deixou nove pontos. As equipes não conseguiram abrir grande vantagem no placar. Apesar disso, o Brasília teve quatro oportunidades de fechar o set, mas o carioca não desistiu, pressionou e fechou a parcial na sua segunda chance. O Fluminense, portanto, conseguiu a vitória por 30/28.

O Brasília não parou de pressionar e conseguiu novamente o empate no quarto set. A equipe conseguiu abrir vantagem e se manter na frente na maior parte do tempo, apesar das investidas do tricolor. Assim, com a conquista por 25/22, o time visitante conseguiu o empate e levou a decisão para o Tie-Break.

O quinto set começou com pressão do time da capital, mas logo foi dominado pelo Fluminense que abriu três pontos de vantagem. Apesar disso, o Brasília não se intimidou e virou no placar deixando a parcial em 11/10. O tie-break continuou com viradas e o tricolor voltou a assumir a liderança. O time brasiliense tentou a reação, mas a equipe carioca se manteve constante e conseguiu a vitória da partida no segundo match point por 16/14.

Minas 3×0 Maringá

O Itambé Minas mostrou sua superioridade e venceu com mais de 10 pontos de vantagem todas as parciais. A equipe mineira não teve dificuldades e demonstrou organização em quadra. O Unilife Maringá não conseguiu esboçar reação e foi atropelado por sets diretos. A maior pontuadora do jogo foi a central Thaisa do Minas com dez pontos.

O primeiro set mostrou a fragilidade da equipe paranaense que cometeu onze erros. As duas equipes conseguiram a mesma quantidade de ataques e marcaram oito vezes contra seus adversários. O Minas criou boas oportunidades em todos os fundamentos e manteve a estabilidade durante a parcial. Assim, o time iniciou o jogo vencendo por 25/15.

O segundo set não foi muito diferente do primeiro. O Itambé continuou com a qualidade em quadra e acertou bons ataques e boas defesas. O Maringá também cometeu muitos erros, mas dessa vez falhou dez vezes. As duas equipes também pontuaram igualmente no fundamento do ataque, ambas com dez pontos. O Unilife começou o set com um nível maior, mas o mineiro logo inibiu seu adversário e conquistou a parcial por 25/14.

O terceiro e último set também teve domínio absoluto do Minas. A equipe paranaense sentiu o aperto e recuou mais em quadra. O time não marcou muitos ataques e não conseguiu parar a equipe adversária. Mesmo com a piora em quadra, o Maringá diminuiu sua quantidade de erros e falhou apenas seis vezes. As mineiras não se preocuparam e continuaram com um jogo tranquilo e estruturado. Assim, o Minas venceu a parcial e a partida por 25/11 em sets diretos.

Todas as equipes voltam às quadras na próxima terça-feira (9), pela terceira rodada da Superliga feminina. O Minas e o Fluminense se enfrentarão no Rio de Janeiro, às 19h. Também às 19h, o Maringá encontrará o Renata Valinhos/Country, fora de casa. O Brasília jogará, na capital, contra o Sesc RJ, às 18:30h.