Osasco toma susto do Pinheiros, mas garante lugar da final do Paulista Feminino de Vôlei

Diante de um valente Pinheiros, o Osasco dominou o início da partida, mas viu o adversário crescer no jogo, roubar um set e ameaçar levar o jogo para o tie – break. Mas, em noite inspirada de Tiffany, as comandadas de Luizomar de Moura voltaram para o jogo para fechar o jogo por 3 sets a 1, parciais de 23/25, 19/25, 25/18 e 21/25, e se garantir em mais uma decisão do Paulista.

PRIMEIROS SETS DE TRANQUILIDADE

Embora o placar apontasse um certo equilíbrio entre as equipes, as visitantes dominavam a partida. Assim como no jogo de ida, a equipe do Pinheiros começou a partida com um ritmo muito forte, principalmente com seu saque, forçando a equipe de Osasco a errar mais e consequentemente mantendo o jogo mais equilibrado.

Mas, já na reta final da primeira parcial, Osasco se impôs e passou a dominar a partida, vencendo o primeiro set e controlando o segundo. Destaque para a levantadora Fabíola, que distribuía muito bem o jogo, e utilizava todas as suas atacantes.

TERCEIRO SET DE VIRADA E SUSTO

O terceiro set começou como os dois primeiros: com domínio osasquense. Nada funcionava para a equipe do Pinheiros, que abusava dos erros, principalmente com Edinara, em noite pouco inspirada. Enquanto isso, nada parecia tirar Osasco do caminho da vitória.

Mas, uma mudança mudou todo o panorama da partida: Saiu Edinara, entrou Camila Mesquita. E a partir daí, o jogo tomou um rumo diferente. A jovem ponteira Talia fazia uma grande partida, mas passou a ter mais ajuda com a entrada de Mesquita. E Osasco passou a ter dificuldades e cometer muitos erros, principalmente na virada de bola com a ponteira Carla. E Pinheiros soube aproveitar, fechando a parcial em 25 a 18.

SIGA O ESPORTE NEWS MUNDO NO TWITTERINSTAGRAM E FACEBOOK. E NÃO SE ESQUEÇA DE SE INSCREVER NO NOSSO CANAL NO YOUTUBE! 

TIFFANY FAZ A DIFERENÇA

Pressionado, Osasco precisava ganhar mais um set para se garantir na final. E começou muito bem o quarto set, com passagem importante de Carla no saque. Mas, Talia continuava inspirada, e mantinha o placar do jogo bem próximo.

Osasco ainda cometia muitos erros de passe, e dessa vez, a mudança no time que fez a diferença foi para o lado osasquense: Saiu Carla e entrou Silvana. A experiente ponteira além de contribuir com um ace, estabilizou a recepção das atuais campeãs e facilitou a vida de Fabíola, que contou com um set iluminado de Tiffany.

Com o passe estável e Tiffany virando todas as bolas, o Pinheiros sucumbiu. Mesmo com uma partida de destaque de Talia e Kika, as donas da casa não conseguiram segurar Tiffany no último set, e viu o adversário chegar mais uma vez na final.

Osasco agora aguarda o vencedor do confronto entre Sesi Vôlei Bauru e Barueri, que acontecerá amanhã, 8, às 21h30, no ginásio José Correia, em Barueri. A equipe de Bauru venceu o primeiro jogo por 3 sets a 1.