Paulo Sousa comemora vitória de virada sobre o Altos e ressalta: ‘Jogo extremamente difícil’

Em entrevista coletiva após a vitória sobre o Altos-PI por 2 a 1, pelo jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil, Paulo Sousa comemorou a vitória de virada e parabenizou os jogadores. Além disso, o técnico português ressaltou a dificuldade encontrada no jogo em Teresina. A equipe carioca não teve vida fácil diante do time da casa, mas conseguiu buscar o resultado com gols de Pedro e João Gomes.

+ Autor do gol de empate, Pedro desabafa sobre possível saída do Flamengo: ‘A carreira é minha, quem manda sou eu’

+ Em noite pouco inspirada, Flamengo vence Altos de virada pela Copa do Brasil

– No final, dei os parabéns aos jogadores. É um jogo extremamente difícil, vale taça. Na primeira parte, tivemos oportunidades importantes, sobretudo com as mudanças de velocidade do Bruno, que poderiam ser mais consequentes. Não tivemos um volume como gostaríamos de ter, mas as condições não nos permitiram. Com as substituições, melhoramos bastante, conseguimos volume. O caráter da equipe foi extraordinário, porque procuramos mais velocidade, com mais mentalidade daquilo que estamos a trabalhar de forma a conseguirmos a vitória. A vitória foi a mesma com esse público que esteve presente – disse Paulo.

O comandante rubro-negro também comentou sobre a intensa maratona de viagens da última semana e as condições do gramado do Albertão, além de agradecer o carinho dos rubro-negros no estado nordestino:

– O que eu esperava era dificuldade porque esta competição comporta dificuldade, sobretudo quando temos um período de grande desgaste, de viagens costantes, de integrar jogadores e dar minutagens para manter o nível, porque precisamos de todos no campeonato inteiro. Um campo que não dava velocidade ao jogo, com grama mais alta, mais seco, um bloco baixo. É um jogo fora de casa, com todas essas viagens, com todas essas circustâncias. Nosso público ganhou com isso. Quero passar uma mensagem de carinho, de amor pela forma que eles nos receberam.

Com o triunfo, a equipe de Paulo Sousa saiu na frente no confronto e decidirá a classificação jogando no Rio de Janeiro. Ainda sem horário definido, o duelo está marcado para o próximo dia 11, no Maracanã. Até lá, o Flamengo ainda encara o Talleres na próxima quarta-feira (04), pela Libertadores, e o Botafogo no domingo (08), pelo Campeonato Brasileiro.

Siga o Esporte News Mundo no InstagramTwitterFacebook e Youtube.

Confira outros trechos da coletiva de Paulo Sousa:

Situação de Pedro

– Vocês, analistas e críticos, tem que perguntar a eles. Em relação a nós, é muito simples: tem jogado praticamente todos os jogos, outros mais, outros menos. É um jogador que nós procuramos, como todos os outros, oferecer todas as condições para desenvolver o seu trabalho e ajudar o Flamengo ao máximo. Tem que estar pronto, como ele esteve, como tem estado, para nos ajudar.

Ayrton Lucas

– Nós tinhamos previsto 45 minutos para ele e depois vimos a evolução no jogo e o que o jogo trazia. É traumático algumas dores que não permitem chegar ao nível que todos nós esperamos dele. Foi importante dar essa minutagem para ele poder se integrar e poder estar pronto para poder nos ajudar deste jogo para frente. Há jogadores que estão com muitas dificuldades físicas em determinados jogos por vários tostões. Já aconteceu com o Arrascaeta, com o Everton, e nós procuramos dentro do nosso percurso, que é longo e difícil, com espaço temporal de um jogo para o outro com viagens acumuladas. Vamos procurar descansar quando chegarmos ao CT, termos um treino 11, 11:30, dar um trabalho condicional a quem nos permite algo a mais, outros continuar a recuperar de forma a podermos ter todos no jogo na Argentina. Procuramos tomar as melhores decisões para ter todos os jogadores presentes e buscar a vitória.

Uso dos jogadores da base

– Desde a minha chegada, estamos a acompanhar muitos jogadores. A ideia é, juntamente ao futebol de base, fazer um trabalho não só de seguimento, mas de integração de forma a integrar algumas ideias, ritos competitivos, interação com jogadores do elenco principal. Estou muito satisfeito, porque estamos a fazer um bom trabalho, e tenha certeza que o futuro breve é deles e vão nos ajudar para trazer vitórias para estes torcedores que merecem.