Praia Clube toma susto mas vence no Sul-Americano de Vôlei

Jogando diante da sua torcida contra o Regatas Lima, do Peru, o Praia Clube venceu a segunda partida do Sul-Americano Feminino de Vôlei por três sets a um, parciais de 25 a 12, 23 a 25, 25 a 13 e 25 a 13. Mesmo com a vitória, o clube tomou um susto ao perder um set para o clube peruano. Com a vitória, o time brasileiro se classificou para as semifinais do campeonato.

INÍCIO LENTO, SUPERIORIDADE DEMONSTRADA

O começo da partida foi diferente do que a torcida presente no ginásio do Praia Clube, em Uberlândia, esperava. Isso porque o modesto Regatas Lima, do Peru, conseguiu, mesmo com um time mais jovem, baixo e menos experiente, pressionar o Praia Clube até os 10 pontos da parcial.

A partir daí, a fragilidade do time peruano ficou evidente quando, com uma passagem de saque de Carol, o time da casa conseguiu abrir larga vantagem para fechar a parcial com uma margem de mais de dez pontos: 25 a 12.

SURPRESA PELO CAMINHO

Após fazer um bom início de set na primeira parcial, o Regatas Lima resolveu voltar para o segundo set e se impor. Se aproveitando das brechas deixadas pelo Praia Clube, o time peruano conseguiu abrir dois pontos de vantagem logo no começo da parcial. A partir daí, as donas da casa encontraram dificuldades em colocar a bola no chão, e com isso cometia muitos erros.

Siga o Esporte News Mundo no InstagramTwitterFacebook e Youtube.

A formação inicial das donas da casa era com Anne e Tainara como ponteiras. Mas, com a dificuldade em passar o saque agressivo do Regatas Limas no segundo set, Vanessa Janke entrou na quadra. Com um pouco mais de equilíbrio nesse fundamento, o Praia Clube chegou a empatar a parcial, mas, ainda cometendo muitos erros e com o adversário muito concentrado, o time da casa viu as adversárias vencerem a segunda parcial por 23 a 25.

APÓS O SUSTO, DOMÍNIO ABSOLUTO

Após perder o segundo set, o Praia Clube entrou mais ligado nos sets seguintes. Com Kasiely em quadra, o time comandado por Paulo Coco mostrou sua superioridade em quadra, pressionando o adversário no saque e com uma virada de bola consistente, o Praia Clube não deu chances para o adversário.

E, diante de um Praia Clube que jogava tudo que podia, o Regatas Lima pouco conseguiu resistir. O time mineiro fez um duplo 25 a 13 e fechou a partida em 3 sets a 1, se classificando assim para as semifinais da competição.