Raphael Veiga diz que postura do Palmeiras foi determinante para o título

Autor de dois gols na vitória por 4 a 0 sobre o São Paulo, neste domingo (03), o meia Raphael Veiga destacou o fator predominante no título do Palmeiras. De acordo com o atleta, a entrega de toda a equipe foi o fundamental para reverter a vantagem que foi construída pelo São Paulo na primeira partida. Além disso, o trabalho de longo tempo teve um peso para a confiança no título.

— O mais importante foi nossa postura. Nem sempre fazemos tudo melhor, mas a nossa maturidade foi o determinante para tudo isso. As vezes o nosso melhor vai ser o suficiente, as vezes vamos fazer o nosso melhor e não vai ser. Mas nós sempre tentamos até o final e isso foi o diferencial — disse Raphael Veiga.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

O meia do Palmeiras também comentou a partida irregular que o alviverde fez no primeiro jogo decisivo, no Morumbi, quando foi derrotado pelo placar de 3 a 1. Mesmo com uma grande desvantagem, Veiga garantiu que a confiança no título não foi abalada em nenhum momento.

— Nós fizemos um jogo abaixo do que vínhamos fazendo. E foi assim lá no Morumbi. Mas não seria isso que acabaria com o nosso projeto. Sabia que seria diferente aqui pela nossa entrega e intensidade, além da nossa torcida. O futebol não se ganha antes do tempo — avaliou Raphael Veiga, que também falou sobre os seus gols na final.

— Marcar é sempre bom e em decisão é melhor ainda. Sempre procuro melhorar os meus números e mesmo que não tivesse feito gols hoje, estaria feliz pelo nosso título — finalizou o jogador do Palmeiras.

Com a conquista, o Palmeiras chegou ao seu 24º título do Campeonato Paulista. O último título estadual da equipe havia sido conquistado em 2020, quando superou o Corinthians.