Richarlison lamenta lesão em momento decisivo para o Everton

O atacante brasileiro Richarlison terá que ficar algumas semanas afastado dos gramados por conta de uma lesão na panturrilha. Durante o jogo do último domingo, quando o Everton perdeu por 3 a 1 para o Crystal Palace, o jogador acabou tendo uma ruptura no local e foi substituído pelo técnico Rafa Benítez no começo do segundo tempo. Nesta quarta-feira (15), o brasileiro lamentou ter que enfrentar esse problema justamente num período difícil e decisivo para o Everton.

— Eu estou muito desapontado por sofrer esta lesão e ter que perder jogos, especialmente em um momento importante para a equipe e com tantos pontos para disputar. Foi frustrante não poder ficar em campo contra o Crystal Palace, mas o Rafa fez a coisa certa por mim e pelo time. Não consegui jogar na minha capacidade máxima por causa do problema com a panturrilha e se ficasse teria feito mais estragos e, provavelmente, enfrentaria um período mais longo fora da equipe — avaliou Richarlison.

O brasileiro também garantiu que esse período ausente será especialmente difícil por ficar longe daquilo que gosta de fazer. Richarlison vinha sendo peça importante de Rafa Benítez no momento em que a equipe atravessa uma grande instabilidade de resultados dentro da Premier League. 

— Amo jogar futebol e adoro jogar pelo Everton. Fico sempre triste quando não é possível estar em campo com meus companheiros. Minha recuperação começou assim que recebi o diagnóstico do meu exame e vou trabalhar todas as horas para estar de volta à camisa azul o mais rápido possível — disse Richarlison. 

O Everton venceu apenas um de seus últimos dez jogos na Premier League e se aproxima de forma perigosa da zona de rebaixamento da competição nacional. O momento ruim já começa a ter efeitos sobre o técnico Rafa Benítez, que corre risco de demissão caso não consiga retomar o rumo das vitórias. Apesar disso, Richarlison destacou que todos estão motivados para uma mudança.

— Todos estão confiantes de que podemos ter uma segunda metade da temporada realmente boa e planejo fazer todo o possível para voltar a marcar e criar gols e trabalhar para nos ajudar a atingir nossos objetivos na primeira oportunidade — finalizou o brasileiro.

Sem Richarlison, o Everton volta a campo nesta quinta-feira (16), quando vai visitar o Chelsea, em Stamford Bridge, às 16h45 (de Brasília), pela 17ª rodada da Premier League. A equipe atualmente está na 14ª colocação, com 18 pontos conquistados.