Simeone pede solução para que LaLiga não seja paralisada por nova onda de Covid

O técnico Diego Simeone falou pela primeira vez sobre a nova onda de Covid-19 na Europa causada pela variante ômicron. A cepa tem trazido certa preocupação aos cientistas e o elevado número de casos já teve efeito na Premier League, elite do futebol inglês, que teve alguns jogos adiados. Com a Espanha também vivendo um aumento de casos, Simeone destacou que será preciso encontrar soluções para que os clubes não sofram com novos adiamentos.

— Acredito que devemos buscar as soluções que foram buscadas anteriormente para que a liga não pare. Mas é preciso fazer uma avaliação para saber se as partidas podem ser jogadas ou não. Estamos abertos a aceitar aquilo que seja decidido. Estou aqui apenas para preparar a equipe para os jogos — disse Diego Simeone.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

Apesar de ter consguido classificar o Atlético de Madrid para a fase de oitavas de final da Liga dos Campeões, Simeone vem encontrando uma instabilidade de resultados recentemente. Nos últimos cinco jogos, a equipe foi derrotada três vezes e se distanciou das primeiras colocações da LaLiga. Assim, uma vitória sobre o Sevilla, fora de casa, se torna fundamental para o time colchonero.

— A partida contra o Real Madrid teve muitas coisas boas, mas outras nem tanto. Cometemos alguns erros diante de um time que vem numa sequência muito positiva. Eles venceram justamente. Agora vamos encarar outro time muito difícil e jogando fora de casa, tendo que enfrentar também uma torcida que faz a diferença. O treinador também trabalha muito bem as questões ofensivas e defensivas. Não tenho dúvida que será um rival duro — disse Simeone.

O Atlético de Madrid aparece atualmente na quarta colocação da LaLiga, com 29 pontos conquistados. Se conseguir vencer o Sevilla neste sábado (18), o time vai encostar no adversário, que tem 34 pontos, na tabela de classificação. A bola vai rolar a partir das 17hs (de Brasília).