Stephen Curry se torna o maior arremessador de três pontos, Kevin Durant anota triplo-duplo e Suns vencem Portland; a rodada da NBA

Na noite de terça-feira (14), a rodada da NBA foi marcada pela história sendo escrita pelas mãos de Stephen Curry ultrapassando Ray Allen em bolas convertidas de três pontos na temporada regular. Além dessa partida histórica, Kevin Durant em noite inspirada anotou um triplo-duplo para os Nets baterem o Toronto Raptors e o Phoenix Suns em grande partida coletiva venceu o Portland.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

GOLDEN STATE WARRIORS 105 X 96 NEW YORK KNICKS

Após bater na trave e deixar apenas duas cestas de três para ultrapassar o recorde, todos os olhos em Nova Iorque eram voltados para o camisa 30 dos Warriors, inclusive os de Ray Allen. Logo no início do jogo, Curry abriu a contagem regressiva com um arremesso quase do logo e antes de completar cinco minutos de partida a história foi escrita e ele se tornou o maior cestinha de três pontos da história da NBA, passando a marcar de 2973 de Ray Allen, fazendo Spike Lee e todo o Madison Square Garden pular.

+ Stephen Curry: o maior arremessador da história da NBA

Com mais uma noite para a história de Curry, o Golden State Warriors venceu os Knicks e o time de Steve Kerr chega a 23 vitórias em 28 jogos até o momento na NBA. O brinquedinho assassino anotou 22 pontos sendo cinco bolas de três, Jordan Poole marcou 19 e Andrew Wiggins 18, sendo os dois principais jogadores além de Curry em pontuação.

BROOKLYN NETS 131 X 129 TORONTO RAPTORS

Em uma grande partida de basquete do mais alto nível que a NBA proporciona, decidida apenas na prorrogação o Brooklyn Nets bateu os Raptors com uma partida inspirada de Kevin Durant, o príncipe de Nova Iorque. O craque anotou seu décimo quarto triplo-duplo na carreira com 34 pontos, 13 rebotes e 11 assistências e foi fundamental para essa vitória. Patty Mills também teve uma noite iluminada e anotou os seus primeiros 30 pontos em uma partida com a camisa dos Nets.

PORTLAND TRAIL BLAZERS 107 X 111 PHOENIX SUNS

Em Oregon quem mandou na partida foi o Phoenix Suns e mostrou que é um visitante indigesto. Com cinco jogadores anotando mais de dez pontos, o atual campeão do Oeste mesmo sem Devin Booker fez grande jogo, principalmente com Chris Paul o maestro dessa equipe que marcou 24 pontos e 14 assistências além de oito rebotes, e fez a cesta que levou a partida para a prorrogação onde o time de Phoenix venceu, Deandre Ayton marcoy 28 pontos e contribuiu com 13 rebotes. Com essa vitória, os Suns fica atrás do Golden State Warriors com uma a menos e na segunda colocação da conferência Oeste.