Temporada do Cuiabá em 2021; veja trajetória do clube

No ano em que disputou pela primeira vez a Série A, elite do futebol brasileiro, o Cuiabá completou 20 anos (foi fundado em 12 de dezembro de 2001). Fez aniversário no último domingo (12) e fechou um ano muito bom. E tem tudo para fazer de 2022 um ano melhor ainda.

+ Bombou na semana do Cuiabá: Última rodada do Brasileirão, título na base e aniversário do clube

CAMPEONATO MATO-GROSSENSE

A temporada ofialmente começou com o Campeonato Mato-grossense, onde o Cuiabá foi campeão invicto do Estadual. Empatou com o Operário no jogo de volta e conquistou seu 10º título Mato-grossense de sua recente história. Em 2022, joga contra o Ação, na primeira rodada do estadual. A partida está marcada para 19 de janeiro, sem local definido. Mas deve ser na Arena Pantanal, já que o mando de campo é do Dourado.

COPA DO BRASIL E COPA VERDE

Os dois pontos negativos da temporada do Cuiabá. As eliminações precoces na Copa do Brasil e na Copa Verde. O Dourado caiu na segunda fase da Copa do Brasil. Perdeu nos pênaltis por 5×4 para o 4 de Julho, em 15 de abril, após 0x0 no tempo normal de jogo. Pela Copa Verde, já entrou nas oitavas de final da competição, mas novamente foi eliminado nos pênaltis. Foi 7×6 para o Brasiliense em plena Arena Pantanal, após 0x0 no tempo normal.

CAMPEONATO BRASILEIRO SÉRIE A

Estreou no Brasileirão na Arena Pantanal, num empate em 2×2 com o Juventude. Teve altos e baixos no campeonato. No início figurou na zona de rebaixamento, mas após vitórias importantes, como em cima do Palmeiras em pleno Allianz Parque, deu uma engrenada boa, chegou à sétima colocação e disputava ponto a ponto para tentar uma vaga na pré-Libertadores de 2022, mas com uns resultados ruins na reta final do Brasileiro, voltou para a zona de rebaixamento e quase caiu.

Mas como dependeia só de si para escapar, foi lá e venceu o Athletico Paranaense na penúltima rodada e empatou com o Santos no último jogo e assim ficou na 15º colocação, garantindo a permanência e uma vaga na Sul-Americana do ano que vem, competição que vai disputar pela segunda vez em sua história. Já havia jogado em 2016, onde enfrentou a Chapecoense, mas foi precocemente eliminado. No ano que vem, pode alçar voos maiores no Brasileirão.

Elenco Auriverde no Brasileirão (Foto: AssCom Dourado)

ESTADUAL DA BASE

A base do Cuiabá brilhou em 2021. No último final de semana foi campeão no Estadual Sub-15 e Sub-17. Foi campeão invicto no Sub-15 ao empatar em 0x0 com o Operário no jogo de volta, já que no de ida venceu por 1×0. No Sub-17 foi campeão em cima do Ação, com o placar agregado em 8×4. A garotada estava com tudo este ano.

DANÇA DOS TÉCNICOS

Oficialmente o Cuiabá teve dois técnicos em 2021, mas foram basicamente 3. Alberto Valentim foi o treinador do clube no Estadual, mas na primeira rodada do Brasileirão, foi demitido. Então o elenco foi comandado pelo auxiliar técnico Luiz Fernando Iubel até a chegada de Jorginho.

Jorginho (Foto: AssCom Dourado)

Para saber mais sobre o Cuiabá, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

DESTAQUES

Os destaques do Cuiabá na temporada foram Elton, artilheiro do clube. Walter, goleiro que fez grandes defesas ao longo do ano. A defesa merece palmas, que quando o ataque não funcionava nas partidas, o sistema defensivo do clube funcionava e em muitos jogos evitou derrotas, garantiu empates e vitórias. Não foi à toa que o Dourado foi um dos clubes que mais empatou no Brasileirão.

Walter (Foto: AssCom Dourado)